6 de jul de 2007

Pratos (muito) rápidos

Bar de sucesso na Vila Madalena, o Salve Jorge abriu há uns meses filial no Centro, em frente à BM&F. Local imponente, cenário até de recente comercial da cerveja, ideal para happy hour regado a cervejas do pacote Ambev, com a companhia do delicioso galeto a passarinho, que chega à mesa junto de um bom molho à base de alho.

Menos concorrido, mas também movimentado é o almoço. Para isso o bar mantém um buffet com preço fixo, além de reservar o piso inferior aos pratos à la carte. Só é de se estranhar que os pratos cheguem à mesa de forma assustadoramente rápida, antes mesmo das bebidas, o que faz supor que pouca coisa é preparada na hora. De qualquer forma, vale experimentar o bom salmão grelhado com legumes, arroz e manteiga com ervas (R$ 16).
Havíamos recebido ótima referência do strogonof de camarão (R$ 17), no entanto quando provamos estava bom e nada mais.

Descontados os tropeços e as aceleradas, o Salve Jorge não deixa de ser uma boa opção de almoço no Centro Velho, região que, aos olhos de quem a freqüenta esporadicamente, parece reservar inúmeros bons restaurantes, mas para os que trabalham por lá há alguns anos, bem que poderia ser mais fértil no terreno gastronômico.

Sugestão do chef: se for escolher uma sobremesa, fuja do petit gateau (R$ 8). Ele tem o mesmo formato daquele bolinho industrializado vendido em supermercado. Tem recheio com o mesmo gosto desse e de outros produtos dessa mesma marca. E, se não for o mesmo, é tão ruim quanto.


Sorte deles que o chef Gordon Ramsay não incluiu o Brasil no roteiro do seu Kitchen´s Nightmares.

Salve Jorge: Praça Antonio Prado, 33 – lj. 17 – Centro – São Paulo – SP
Tel.: (11) 3107-0123
http://www.barsalvejorge.com.br/

10 comentários:

  1. Parece que o centro de São Paulo está, aos poucos, dando uma revitalizada. Um amigo que trabalha na prefeitura disse que este projeto de revitalização da prefeitura dá um certo incentivo aos estabelecimentos que planejam abrir no centro. Acho um bom programa ir na parte da manhã ou tarde (ao centro)... abraço, Nina.

    ResponderExcluir
  2. É, Nina, o Centro vai se recuperando, pena que num ritmo mais lento do que gostaríamos. Não sei se o incentivo fiscal da Prefeitura inclui a parte do Centro em que está o Salve Jorge, se não me engano é só para quem se instalar na antiga "cracolândia". De qualquer forma, é um bom projeto.

    Abs,
    Fernando

    ResponderExcluir
  3. Esse post mostra como uma foto bem tirada pode manipular uma opinião. Hehehe. Eu achei os pratos lindos e juraria que esse petit tava uma delícia.

    Mas, me digam amigos, recomendam algum outro no centro da cidade?

    Abraços
    Diego

    ResponderExcluir
  4. Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Se você quiser linkar meu blog no seu eu ficaria agradecido, até mais e sucesso. (If you speak English can see the version in English of the Camiseta Personalizada. If he will be possible add my blog in your blogroll I thankful, bye friend).

    ResponderExcluir
  5. Que coisa... mas é um lugarzinho bem simpático até, não?!

    A decoração e o clima me passaram uma coisa boa :-)

    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Diego: recomendo alguns, sim. Aliás, logo postaremos sobre eles. Pra adiantar, são boas opções o Sujinho (esquina da Ipiranga com a Rio Branco), o La Farina (rua Aurora), a primeira unidade do Almanara e o curioso Da Giovani (ambos na Basília da Gama, perto da Praça da República). Logo, logo traremos os detalhes deles e de outros do Centro.

    Mi Cocina: valeu pelo elogio, passaremos a acompanhar seu blog.

    Diogo: o lugar é bem simpático mesmo. Tem vários ambientes e passa uma impressão de grandiosidade. O almoço tem altos e baixos, mas para sentar e tomar umas cervejas, não há restrições.

    Abraços,

    Fernando

    ResponderExcluir
  7. Do que foi comentado aqui posso dizer que o La Farina é realmente uma excelente opção! As massas são delicionas e fabricadas pelo proprio restaurante. Cara de restaurnate antigo, com servicço caprichado!

    ResponderExcluir
  8. Na boa, eu já fui nesse restaurante, e achei um dos melhores.... e o petit nao tem nada de ruim nao viu, muito menos gosto de industrializado...
    O ambiente é suuuuper agradável, e o cheff de lá é um amor de pessoa, super gentil, e disposto a conversar sobre diversos assuntos, inclusive as receitas do restaurante!!!

    ResponderExcluir
  9. Anônimo,

    O ambiente é bem agradável mesmo. Mas o petit gateau naquele dia foi uma grande decepção.

    abraços

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails