12 de mai de 2009

Farto jantar chinês

Pela primeira vez estivemos no bairro da Liberdade à noite, e foi estranho ver todas as lojinhas e os mercados fechados, além das ruas com pouca gente.
O destino do nosso jantar já estava decido: o Restaurante Massa Chinesa Rong He.
O cardápio é extenso e variado, mas não demoramos muito para fazer nossos pedidos, pois também já tínhamos idéia do que gostaríamos de experimentar.
Normalmente o Fernando não deixa pra trás uma porção de guiozas. Eu, há tempos prometia provar o pão cozido no vapor e recheado de carne. Só faltava ir a um restaurante chinês tradicional para cumprir a promessa.
Já os nossos amigos só pensavam no Yakissoba.
Os pães cozidos ao vapor com recheio de carne bovina foram os primeiros a chegar (R$ 14).

A massa é muito macia e, sem dúvida, é uma opção indicada para fugir das entradas triviais.
Na sequência, a excelente e generosa porção de guioza recheada de carne suína (R$ 16) não demorou para sumir da mesa.

E por falar em porção generosa, achamos que não daríamos conta de comer todo o Yakissoba (R$ 22), que, curiosamente veio junto com uma tesoura para ajudar a cortar os fios compridos do macarrão.

Estava muito bom, cozido na medida certa e com molho bem temperado. A quantidade de carne e frango também era muito boa. E o frescor dos legumes ressaltou o sabor do prato.
As sobremesas mais comuns dos restaurantes chineses são as frutas caramelizadas, mas, dessa vez, o sagu com leite de coco (R$ 4) nos pareceu interessante.

Conforme começamos a comer, percebemos que pedaços de melancia também faziam parte do doce, apesar de o cardápo não informar. Foi uma combinação interessante, mas é muito provável que não agrade a todos.

Mesmo depois de satisfeitos, ficamos curiosos para ver como seria o pão cozido no vapor recheado de doce de feijão (R$ 14).

A massa estava tão macia quanto a do pãozinho de carne. O recheio de doce de feijão, na minha opinião, estava bom, mas nem todos gostaram. Sorte minha poder levar pra casa o que sobrou!

Sugestão do chef: a principal atração do Rong He é assistir ao cozinheiro que faz malabarismos esticando, torcendo e puxando a massa do macarrão. Dessa forma, ele transforma a massa em fios compridos e finos, sem precisar de rolo. Um verdadeiro show!


Restaurante Massa Chinesa Hong He: Rua da Glória, 622 A – Liberdade – São Paulo – SP – Tel.: (11) 3275-1986.

15 comentários:

  1. adoro comida chinesa!
    pena aqui em Piracicaba, não ter um bom restaurante chinês!
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Que delícia!!!
    Aqui onde moro também não tem um restaurante nesse nível só o básico mesmo.
    Fiquei com água da boca...

    ResponderExcluir
  3. Taí um chinês bom de conhecer!! E pelo visto bem barato também!
    Abs e postem mais !! rs

    ResponderExcluir
  4. Nossa, fiquei morrendo de vontade de comer essas comidinhas....Que delícia. Grande beijo

    ResponderExcluir
  5. Esqueci, passa lá no Cerejinha que ta rolando uma super promoção. Grande beijo

    ResponderExcluir
  6. Pessoal,

    Esse é, sem ´dúvida, um bom representante da culinária chinesa em São Paulo.

    Edu,

    Vamos tentar postar mais!

    abs,

    Débora e Fernando

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Gosto bastante desse restaurante! A comida é saborosa e não é caro!
    Da próxima vez q vcs forem experimentem o pastel de negui (cebolinha japonesa)! É mto bom!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. show hein gente!! adoro esse lado b da cidade :-)

    ResponderExcluir
  9. Eu sempre vou neste restaurante. A comida é muito boa e principalmente a cozinha é limpa, coisa rara em restaurantes chineses.

    ResponderExcluir
  10. Parece bom, hein? Em geral não vou a restaurantes chineses sem indicação....mas com essa dica - e com a cozinha exposta assim - até dá prá encarar...
    bjs
    andréa

    ResponderExcluir
  11. Dri,
    A dica está anotada, obrigado.

    Diogo,
    Vale conhecer na sua próxima vinda a São Paulo.

    Michel e Andréa,
    É isso mesmo, lá dá pra ir sem preocupação.


    abraços a todos,

    Débora e Fernando

    ResponderExcluir
  12. Estava achando o post interessante, quando eu vi a foto final! Eu não gostei desse restaurante quando fui, acabei vendo o que não queria ver, como falta de cuidado de higiene e uma baratinha andando em pleno restaurante.

    Espero que tenha mudado, não sei.

    Prefiro meu velho e bom China Massas Caseiras.

    ResponderExcluir
  13. Fernando,
    Não conhecia seu blog. Parabéns vou recomendar a Dani (Minha esposa) ela vai adorar. Já estivemos neste restaurante chinês na Liberdade. Uma experiência interessante. abraço, Pacheco

    ResponderExcluir
  14. Beca,
    Não imaginávamos que essa cena ocorreria lá. Que coisa!

    Mauricio,
    Como te falei, somos meio low profile... mas é bom saber que gostou do nosso blog. Obrigado pela visita.

    abs,

    Fernando

    ResponderExcluir
  15. Endereço devidamente anotado.
    Sabadão tô lá....
    há tempos quero ir a um restaurante na Liberdade.... Sempre fico na feirinha. Depois que a barraca do Guioza se foi pra mim só resta experimentar os restaurantes. Uma grande perda.
    abçs...

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails