29 de jul de 2010

A gastronomia nas pousadas de Serra Negra

Sempre que viajamos tentamos visitar alguns lugares mais afastados do eixo comercial da região. Nessa última visita à Serra Negra nos programamos para conhecer o restaurante das pousadas Shangri-lá e Oca Bianca.
Começamos jantando na Shangri-lá, pousada super charmosa localizada no alto da montanha, há uns dez minutos de carro do centro a cidade. Pena que durante à noite não conseguimos fotografar o lugar pois a iluminação era mínima, mas vale dar uma passada no site pra conferir.
Nossa intenção incial era a de comer fondue, mas gostamos bastante do menu fechado (R$ 35 por pessoa) e mudamos de ideia.
O vinho argentino Trivento 2009 merlot e malbec (R$ 40) – bem forte e alcoólico – chegou à mesa junto com o creme de cebola, sopa caprichada com sabor caseiro e suave.

Segunda opção do menu, a casquinha de siri nos supreendeu positivamente. Saborosa e muito bem executada, foi o destaque do jantar, apesar da porção pequena.

O salmão ao molho de frutos do mar, servido com batatas ao vapor e arroz branco, estava gostoso e veio em porção generosa.

Já estávamos satisfeitos, mas ainda provamos os doces caseiros do buffet de sobremesas. Pena que não conseguimos experimentar um pouco de cada opção, afinal, todas nos pareceram ótimas e a variedade era considerável. Ficamos apenas com manjar, pudim de leite condensado com coco e mousse maracujá.

Nossa impressão do jantar não poderia ter sido melhor: uma noite meio comfort food.
No dia seguinte, depois de uma manhã de compras, fomos almoçar no restaurante Mamma Fernanda, que funciona dentro da Pousada Oca Bianca, também há uns dez minutos de carro do centro da cidade, porém, para o lado oposto ao sentido da Pousada Shangrilá.
O trajeto é bastante agradável, com vista para montanhas e áreas verdes.

A pousada fica num espaço tranquilo e plano. Tem quadra de tênis, lago e um pier com uma vista linda. O restaurante funciona em um salão na área da piscina.

Chegamos com bastante fome e, antes mesmo de olharmos o cardápio, aceitamos o couvert (R$ 6) que trazia bruschetta de tomate e canapés com cream cheese temperado e morango.

Especializado em pratos das culinárias italiana e suiça, o Mamma Fernanda apresenta um menu simples e interessante.
A Lasagna all italiana (R$ 22) foi a melhor escolha. Recheada com molho bolonhesa, bechamel e bastante parmesão, estava muito boa e leve, com sabor de massa caseira.

A apresentação do Filetto al Brie (R$ 28), filé mingon servido com arroz e lentilha, era um pouco grosseira, mas a carne estava muito boa, no ponto certo e combinou bem com o queijo gratinado. A lentilha também estava gostosa, mas junto com a carne deixou o prato um pouco pesado.

Finalizamos o almoço com duas sobremesas que agradaram bastante. O Mini Apfel Strudel (R$ 10), torta de massa folhada recheada com maçã, amêndoa ralada e uva passa, servido com creme quente de baunilha e canela. Estava excelente, com sabor de doce feito em casa.

Apesar do jeitão de industrializada, a Torta de Trufas (R$ 7) também estava gostosa. Trazia creme holandês com chocolate ao leite e pasta de avelã coberta com chocolate em pó.

Fizemos mais duas boas descobertas nessa cidade do inteior de São Paulo e torcemos para que novas propostas gastronômicas apareçam nos próximos anos.

Sugestão do chef: é necessário fazer reserva para conhecer esses reataurantes. Também é preciso consultar o horário de funcionamento, pois varia de acordo com a época do ano.

Shangri-lá Hotel e Pousada: Estrada das Tabaranas, km 4 (final da Av. Juca Preto) – Serra Negra – SP. Tel.: (19) 3892-5690 / 3892-3765
Mamma Fernanda (Pousada Occa Bianca): Rua 9, 280 – Belvedere do Lago – Serra Negra – SP. Tel.: (19) 3842-1447/(19) 8147-5700


7 de jul de 2010

Chocolates, vinhos ou refeição completa

Quando estivemos em Serra Negra pela última vez, notamos que a cidade não contava com nenhuma loja especializada em bons chocolates. O clima da montanha, somado à expansão observada na cidade nos últimos anos pedia algo nessa linha.
Para a nossa supresa descobrimos a Chocolateria da Serra, misto de cafeteria, lanchonete, bar e chocolateria (claro!), localizada na avenida em que está boa parte dos bares e restaurantes do centro da cidade.

Como só abre à noite, passamos por lá apenas para comer fondue e tomar um vinho, pois antes havíamos jantado uma pizza mediana.
Provavelmente pelo fato de o menu ser bastante variado, o local consegue atrair público bem diversificado. Algumas pessoas bebericavam, outras comiam sanduíche ou provavam algum dos pratos. Mas, assim como nós, a grande maioria tomava chocolate quente, comia fondue e bebia vinho.
O fondue de chocolate serve duas pessoas e custa R$ 26 reais. O preço é bastante atraente, mas vale ressaltar que a porção não é das maiores e traz como acompanhamentos apenas banana, morango, pera e marshmallow. Para nós foi a quantidade exata, afinal, devoramos uma pizza minutos antes.

Pena o vinho pedido não ser lá essas coisas. O italiano Chianti Frassine (R$ 36) era muito leve, pouco aromático e nada marcante. Até nos pareceu aguado, se é que podemos nos referir assim a essa bebida. Mas tudo bem, ultimamente não estamos com muita sorte na escolha dos vinhos.

Gostamos muito de ver que, pouco a pouco, Serra Negra busca novas e diversificadas opções gastronômicas.

Sugestão do chef: no fundo do salão funciona a loja especializada em bombons, barrinhas de chocolates, trufas e alguns licores. Todos os chocolates são de fabricação artesanal.

Chocolateria da Serra: Avenida Laudo Natel, 255 – Centro – Serra Negra – SP. Tel.: (19) 3842-1806
Related Posts with Thumbnails