28 de dez de 2008

Feliz 2009!


Esperamos que o Natal de vocês tenha sido maravilhoso, repleto de alegria, mesa farta, amigos e família.
Aproveitamos para agradecer por todas as visitas que tivemos em 2008 e também para desejar aos nossos leitores um ano novo com muita saúde, paz e bons motivos para comemorar.
Agora o blog vai sair de férias para voltar no início de 2009 com a continuação dos textos sobre Campos do Jordão.

Feliz 2009 para todos!!!

Abraços,
Débora e Fernando

21 de dez de 2008

Viagem gastronômica pela Itália

O local escolhido para o jantar naquela noite fria em Campos do Jordão não poderia ter nome mais sugestivo: Festival Della Pasta.

Comandado por um chef italiano, o restaurante tem como principal atração uma degustação de sete receitas de diferentes regiões da Itália, a R$ 38,90 por pessoa. Elas são servidas em porções reduzidas e o cardápio muda a cada dia.
Sabíamos que o jantar seria farto, mas nem por isso recusamos o couvert (R$ 7,90) com berinjela e azeitona, cenoura, tomate seco e um pão caseiro que desmancha na boca.

O festival começou com nhoque de tomate fresco e rúcula, uma receita bem leve, originária da região de Marche.

Em seguida fomos servidos de lasanha de couve-flor e bacalhau, típica de Moglise, no sul da Itália. Essa não empolgou.

Para compensar, um delicioso Strozzapreti com ossobuco. Essa massa parecida com o fusilli, pelo que soubemos, é originária da região de Lazio. Foi a preferida da Débora.

Um intervalo nas massas para provar o bom risoto de alho poró e provolone, trazido do Vêneto.

Já estávamos quase satisfeitos quando chegou à mesa o Casoncelli. Prato mais exótico da noite, consiste em uma saborosa massa de batata e beterraba com canela. Nasceu no Piemonte e nos surpreendeu pela aparência e sabor diferentes de quase tudo o que conhecíamos da culinária italiana.

Na seqüência fomos servidos de uma excelente berinjela recheada de fetuccine e molho rosé, receita da Lombardia.

Já tínhamos perdido a conta de quantos pratos havíamos provado quando foi anunciado o último deles. Direto da Calábria, o Farfalle com molho de nozes foi, na minha opinião, o melhor da noite. E olha que a concorrência era forte!


Sugestão do chef: é possível levar para preparar em casa algumas massas produzidas artesanalmente no restaurante. Estão disponíveis ravióli, fettuccine, strozzapreti, nhoque e lasanha.

Festival Della Pasta: Rua José Manoel Gonçalves, 160 (Vila di Siena) – Vila Capivari – Campos do Jordão – SP – Tel.: (12) 3663-7300

14 de dez de 2008

Culinária alemã numa casa de bonecas

Campos do Jordão é uma cidade acolhedora. Por lá é possível relaxar em meio ao verde da natureza, curtir o clima frio, passear pelas ruas estreitas repletas de lojas de malhas e artesanato. É também um bom lugar para se deliciar com a variedade de chocolates e, especialmente para nós, se esbaldar com as excelentes opções gastronômicas.

Sempre que vamos para Campos nos hospedamos no centro de Capivari, região com grande oferta de lojas, entretenimento, hotéis, pousadas e, claro, bares e restaurantes. Mas mesmo com toda essa variedade, existe um lugar que é parada obrigatória: o restaurante e confeitaria Bia Kaffee.
Localizado numa ruazinha bem estreita, o Bia Kaffee se destaca por funcionar numa casa de madeira que bem parece uma casinha de bonecas. Seu interior tem pouca iluminação e a decoração é rústica e charmosa.

O local serve pratos da culinária alemã e apresenta boa carta de cervejas nacionais e importadas.
Para nosso almoço, optamos pelas trutas, um dos pratos mais tradicionais em boa parte dos restaurantes da cidade.
O Fernando ficou com a Truta da Kris (R$ 29,80) – truta gratinada, molho de shitaki, shimeji e champignon ao vinho, arroz com amêndoas e cenoura caramelizada. A combinação do molho de cogumelos com o vinho ficou muito boa e o prato estava delicioso.

Apesar do frio daquela tarde, eu fui de Truta Tropical (R$ 26,40) – filé de truta assada com molho de mandioquinha, manga gratinada e arroz. Prato leve e tão bom quanto o do Fernando.

A escolha da sobremesa não foi uma tarefa rápida. A fama da confeitaria do Bia Kaffee corre pela cidade. Na estreita (e escondida) vitrine estão algumas opções das caprichadas tortas feitas no local, boa parte delas com baixa concentração de açúcar.

Depois de muito pensar, dividimos a torta de noz pecã com açúcar mascavo e a torta mousse de chocolate, ambas a R$ 7.

A torta mousse era mais doce e úmida, já a de noz pecã, além de menos açucarada, estava bem mais seca. Servidas em pedaços generosos, finalizaram muito bem nossa refeição.
Depois de alguns passeios pela cidade, retornamos ao Bia Kaffee para tomar um cafezinho acompanhado por um pedaço do saboroso e bem recheado Apfelstrudel (R$ 7,50).


Nossa missão, depois dali, seria começar a pensar no jantar...

Sugestão do chef: o Bia Kaffee é uma ótima opção para um café durante a tarde. Além das tortas e bolos, apresenta extensa carta de chás com mais de cinqüenta sabores da bebida.

Bia Kaffee: Rua Isola Orsi, 33 – Capivari – Campos do Jordão – São Paulo – SP. Tel: (12) 3663-1507
Related Posts with Thumbnails